niLL homenageia sua falecida mãe no novo disco, 'Regina'

MC de Jundiaí e membro da banca SoundFoodGang, rapper cria álbum com tom pessoal entrecortado com áudios do WhatsApp.

|
24 julho 2017, 6:00pm

niLL. Foto: Kadet Movie/Divulgação

Se o rap é um jogo, a maioria dos times é o São Paulo do Rogério Ceni. Posse de bola e tentativa de jogada ensaiada não significa muita coisa sem saber o que fazer com a pelota nos pés, saca? Mas tem MC que chega que nem o atual Corinthians: taticamente disciplinado, fazendo com o que tem, do jeito que tem, e consegue aspirar coisas altas na tabela. Esse é o caso do niLL, membro do antigo grupo Sem Modos, que nem curte muito futebol (apesar de ter ganho uma camisa do SPFC quando criança), mas faz um golaço com Regina, seu segundo disco, com estreia exclusiva aqui no Noisey.

Regina vem cheio das participações: Victor Xamã, Ogi, De Leve, Makalister e seu parceiro de SoundFoodGang Yung Buda rimam no álbum, que mostra um pouco quem é o niLL, em um lance extremamente pessoal e que funciona como uma homenagem para a mãe do MC, que faleceu há cerca de três anos. "Resolvi fazer uma homenagem pra ela de novo. Sempre gostei de mostrar essas paradas de música pra minha mãe porque ela me incentivava e acreditava até mais do que eu. Tive que fazer o Regina desse jeito, contando tudo isso pra ela saber como a gente tá segurando a barra aqui. Porque desde que ela se foi, muita coisa mudou", explica.

Leia o restante da matéria na VICE.