Assista ao primeiro clipe do Rabo de Galo Sistema de Som

“Sucursal do Ilê” comemora dois anos da festa de música brasileira 100% vinil.

|
30 junho 2017, 4:00pm

Os DJs Komodo & Peu Araújo (que também colabora fortemente aqui no conglomerado VICE Brasil) criaram há dois anos a festa de vinil dedicada à música brasileira Rabo de Galo. Que, agora consolidada, caminha para se tornar um sound system. "Temos festas de música brasileira e temos sound systems no rolê, mas o que tentamos fazer é um lance que mescle as duas coisas. E tem uma vivência no hip hop. É um pouco complexo, mas é o rolê", comenta Peu sobre o atual estágio das coisas. Além de discotecar, eles também produzem faixas próprias para tocar na pista. O clipe que o Noisey estreia nesta sexta (30) com exclusividade, da faixa "Sucursal do Ilê", traduz esse espírito num ritmo que mistura música brasileira, rap e reggae.

A música saiu em formato EP com cópias limitadas pelas mãos do DJ Niggas e o Vinyl Lab, que corta vinil lo-fi a preços acessíveis. "A ideia já existia", segundo Komodo. "Eu tinha uns três sons que produzi como dubplate para uso pessoal, antes do Rabo de Galo. Peguei essa informação da cultura sound system, em que a faixa exclusiva importa pra identificar e promover um rolê específico e tal." O processo de criação partiu de um sample dado como referência ao produtor Tiago Frúgoli. Já os vocais são do Fael Pinheiro. "O Fael, por ser lá da cena sound system da Bahia, chegou com o contexto certo pra o que a gente queria falar, sobre nossa pesquisa de música baiana, sendo de São Paulo", detalha ele.

O vídeo foi dirigido e montado pelo Marcel Campos, que coincidentemente, estava indo pra Bahia fazer um trampo quando recebeu um convite. "Tudo fez sentido", assinala o diretor, "porque o sample é do Caetano e o Fael é baiano. O Fael deu o toque sobre esse trem de subúrbio, que vai sentido à periferia de Salvador, pros lados de onde era Alagados, daquele som do Paralamas." As cenas usam como paisagem, além do trem, o bairro do Comércio, no Centro, o Mercado São Joaquim, o Pelô e a Praia da Preguiça.

Neste sábado (1), o Rabo de Galo comemora seus dois anos com exposição de fotos e convidados especiais. A edição acontece no Disjuntor, na Mooca. A expo fica por conta dos ensaios de fotos do coletivo Brasa!. Como convidados, tocam os DJ PG, Mauro Farina (da Free Beats) e Teiú, filho do Komodo, que aos 13 anos faz parte do projeto desde a primeira edição. "Estamos começando um novo ciclo neste local. Nós éramos muito apegados à Casa Brasilis, era a nossa casa", Peu acrescenta. "Com o fim do rolê ficamos sem teto, saca? Fechar essa parceria com o Disjuntor está nos proporcionando ter um novo lar, com ideias e características do Rabo de Galo que queremos preservar. O lugar tem uma estrutura muito legal para receber nossa família, amigos e amigos dos amigos. Estamos ansiosos para sábado."

Depois de entrar no circuito de festas de São Paulo e, em pouco tempo, dividir picapes com grandes nomes como Seu Osvaldo, KL Jay e mais de 20 DJs diferentes, e passar por picos importantes da cidade, a dupla prepara uma faixa com o Monkey Jhayam sobre um beat do Hugo Frasa. "Também estamos com um beat do Sala 70 e rimas do Oga Mendonça, que não grava há muitos anos e era do Projeto Manada, além de ser o cara que faz as nossas artes", conta Peu. Outra faixa será em homenagem e em parceria com um gigante nome da música brasileira. Infelizmente, ainda não podemos divulgar o nome, mas vai ser estouro.

Rabo de Galo - 2 anos @ Disjuntor
Rua da Mooca, 1747 - Mooca
1º de julho, 17h, R$ 10
(11) 2291-2120